Novidades

Veja quais são os tipos de óleo lubrificante para carros

Confira o manual do proprietário para escolher o lubrificante correto
(divulgação)

Para ficar livre de surpresas com o seu veículo, nada melhor do que fazer sua manutenção preventiva, seja em peças como freios, filtros ou até mesmo dar aquela olhada no óleo lubrificante. E é exatamente o óleo lubrificante o responsável por manter o bom funcionamento do motor, já que ele que reduz o atrito entre as peças e, assim, diminui o calor durante seu funcionamento e aumenta sua vida útil. Mas você sabe quais são os tipos de lubrificantes para o seu carro?

De acordo com Marcelo Martini, Gestor da Divisão Automotiva da FUCHS, maior fabricante independente de lubrificantes e produtos relacionados do mundo, existem três tipos de lubrificantes disponíveis atualmente no mercado.

(reprodução)

No entanto, antes de falar deles, vale destacar aqui que cada motor tem sua especificação de lubrificante determinada pelo fabricante, ou seja, sempre confira o manual do proprietário do veículo para saber qual o óleo lubrificante correto para ele. Se colocar o lubrificante errado, certamente terá dores de cabeça com seu veículo.

Além disso, os lubrificantes requerem normas e padrões que devem ser seguidos conforme as características de seus motores, portanto, cada fabricante exige requerimentos específicos para homologação dos lubrificantes que atenderão às necessidades de seus motores.

Abaixo, confira quais são os três principais tipos de lubrificantes automotivos disponíveis hoje:

Óleos Minerais: são o resultado do refino do petróleo bruto e seus aditivos. Ele é muito utilizado atendendo a frota de veículos e motores mais antigos. É considerado o lubrificante de motor mais comum do mercado, porém o que tem menor durabilidade;

Óleos Semissintéticos: são aqueles que contêm em sua elaboração além de aditivos, uma combinação proporcional de óleos minerais e sintéticos, juntando assim as melhores qualidades de cada um deles e barateando o custo. São lubrificantes indicados para a maioria dos motores que existem no mercado e têm uma durabilidade média;

Óleos Sintéticos: são produzidos por meio de uma combinação de óleos básicos sintéticos e aditivos, e por terem um processo de fabricação mais tecnológico suas características são mais robustas do que os óleos minerais e os semissintéticos. São lubrificantes com maior durabilidade e ideais para veículos com motores mais modernos e exigentes.

Veja mais:

>> Veja os cuidados que se deve ter com o sistema de ar-condicionado

>> Pneu do seu carro furou? Veja como trocá-lo com segurança

>> Sustentabilidade e oportunidade de negócio: óleo lubrificante usado pode ser novo outra vez!

This error message is only visible to WordPress admins

Error: No posts found.

Make sure this account has posts available on instagram.com.

Fale com o Momento Vox!